ABCF cobra da Cemig a implantação do plano familiar na Forluz

ABCF cobra da Cemig a implantação do plano familiar na Forluz

A ABCF (Associação dos Beneficiários da Cemig Saúde e Forluz) enviou ofício para o novo presidente da Cemig, Reynaldo Pasanezi Filho, cobrando que a diretoria da empresa posicione-se pela implementação do plano instituído para familiares de participantes da Forluz.

Parte técnica está pronta desde 2018

A ABCF lembra que o plano para familiares da Forluz está com toda a sua parte técnica e burocrática concluída desde dezembro de 2018. Todos os documentos referentes à implantação do plano foram enviados à patrocinadora no início de 2019. Falta apenas que a diretoria da Cemig aprove para que a Forluz coloque o plano em funcionamento.

Plano não gera despesa para a Cemig

Os planos instituídos familiares permitem que participantes incluam, no fundo de pensão, parentes que poderão pagar, como autopatrocinados, seus planos de benefícios.  Assim, este plano não gera despesa para a patrocinadora e ainda permite que as fundações tenham mais poder de fogo no momento de investir, já que terão um capital maior para conseguir melhores negócios.

Já existem planos familiares criados pelo Brasil

Diversas fundações espalhadas pelo Brasil já criaram seus planos instituídos familiares. Em Minas Gerais, por exemplo, a Fundação Libertas criou seu plano no final de 2018 e diversas pessoas e associações de trabalhadores já vincularam ou transferiram seus planos para lá. A Forluz está ficando para trás neste mercado.

Segue, abaixo, o ofício enviado ao presidente da Cemig.

Ofício ABCF 09/19

Belo Horizonte, 03 de fevereiro de 2020.

Ao Sr.

Reynaldo Passanezi Filho

Diretor-Presidente da Cemig – Companhia Energética de Minas Gerais

Avenida Barbacena, 1200 – Belo Horizonte – MG

Assunto: Solicitação de providências

Senhor Presidente,

No cumprimento de suas atribuições estatutárias, a ABCF – Associação dos Contribuintes e Beneficiários da Forluz —, legítima representante dos participantes da Forluz e dos beneficiários da Cemig Saúde desde 1990, está acompanhando o processo de implementação do plano instituído familiar da Forluz.

Lembramos que:

– o plano instituído não gera despesas para a patrocinadora nem para a Forluz. Pelo contrário, ela aumenta o volume de recursos da Fundação, o número de participantes e o poder de barganha para realizar investimentos de maior monta;

– toda a parte técnica e burocrática para criação do plano, inclusive sua aprovação pelo Conselho Deliberativo, foram concluídas em dezembro de 2018;

– os papéis referentes ao plano foram enviados para a Cemig, segundo informações da diretoria da Forluz, no início de 2019;

– outras fundações espalhadas pelo Brasil já possuem seus planos instituídos, inclusive a Fundação Libertas, fundo de pensão dos trabalhadores da Copasa, Prodemge Cohab, Codemge e MGS.

O plano familiar da Forluz só poderá ser efetivamente criado após aprovação da diretoria da patrocinadora. 

Portanto, solicitamos a V.Sa. que se dê andamento ao processo de implementação do plano instituído familiar da Forluz.

Aguardamos a resposta com os prazos para o a efetivação do plano instituído para que possamos informar os participantes.

Certos da atenção de V.Sa., despedimo-nos

Atenciosamente,

_______________________________

Arcângelo Eustáquio Torres Queiroz

Diretor-Presidente

Conheça a História da ABCF e faça parte dela: https://www.portalabcf.com.br/historia/

Conheça a diretoria e o conselho da ABCF: https://www.portalabcf.com.br/abcf/diretoria-e-conselheiros/