Campanha do coletivo espalha boato sobre privatização da Cemig Saúde

Recebemos pelo menos quatro denúncias de associados relatando que, na campanha de telemarketing da chapa 2, estão dizendo aos beneficiários que, se não votarem na chapa 2, nosso plano de saúde será privatizado.

Um dos diretores de nossa Associação recebeu mensagem no celular com o mesmo teor dessa campanha, no mínimo suja e antiética.


Consta também que ao telefone estão dizendo que o DRP e seu suplente, eleitos em 2014, renunciaram por problemas de saúde. Mentira da mais baixa, pois sabe-se que, em carta à direção da Cemig Saúde o DRP titular declarou que não mais trabalharia se não fosse remunerado como os demais diretores.

A ABCF não está participando ou apoiando nenhuma das chapas. Isso, no entanto, não impede que venha a público para esclarecer, criticar e até mesmo advertir sobre fatos que não condizem coma realidade. A ABCF tem o dever de alertar os beneficiários da Cemig Saúde e não irá se omitir.

A se pautar pela história do coletivo, a ameaça que fazem da privatização de nosso plano de saúde estaria muito mais próxima se a chapa 2 for eleita. Afinal, os conselheiros eleitos pelo coletivo e fieis a ele estão domesticados e votam sempre de acordo com os interesses da Cemig.

Recentemente, tivemos exemplos de votações na Forluz que trouxeram prejuízo de 95,5 milhões de reais para nossa previdência, graças ao voto de um conselheiro eleito concedendo um desconto no valor do aluguel do prédio novo para a Cemig. Assim também foi em relação a manutenção do privilégio para diretores e adnutuns que voltam a trabalhar nas patrocinadoras sem ter suspenso seu benefício pago pela Forluz. E assim podemos citar várias outras situações em que o tal coletivo de entidades votou de acordo com a orientação da patrocinadora.

Sabemos e já denunciamos que há um plano da Cemig para acabar com o custo pós-emprego. Vimos ao longo do tempo extinguirem-se anuênio, Maria Rosa e praticamente o seguro de vida em grupo. Temos a certeza de que o próximo alvo será o Cemig Saúde.


Para que isso ocorra sem maiores resistências, nada melhor que dar apoio e eleger uma chapa domesticada e leniente. Pelo que pudemos observar na breve história do tal coletivo e até mesmo pelo perfil do candidato cordato e maneiro, a entrega do plano à inciativa privada será muito mais viável com a eleição de uma chapa (2) maneira, cordata e fiel aos interesses da patrocinadora.
Compartilhe Google Plus

Sobre Portal ABCF

Site da Associação dos Beneficiários da Cemig Saúde e Forluz. Previdência complementar, fundo de pensão, educação financeira e plano de saúde.
    Comentários Gmail
    Comentários Facebook

0 comentários :

Postar um comentário