Mobilização de entidades adia votação do PLP 268/2016

Nas últimas semanas e mais intensamente na semana passada, estivemos reunidos com as lideranças de diversos partidos, PT, PC do B, PDT, PSB, PPS e outros, percorrendo gabinetes de dezenas de deputados, firmando a posição dos participantes e assistidos e entregando a Carta Aberta assinada por várias entidades que, juntas, representam mais de 2,5 milhões de trabalhadores. 

A bancada do PT está alinhada com as nossas demandas e na defesa dos trabalhadores e trabalhadoras participantes e assistidos de fundos de pensão.

Os deputados Erika Kokay, Maria do Rosário, Paulo Teixeira, Ênio Verri, Assis Carvalho, Chico D’Angelo, entre outros, se comprometeram com a defesa da paridade entre patrocinadores e participantes e assistidos em todas as instâncias deliberativas das entidades fechadas de previdência complementar. 

Não deixe de assinar nossa petição contra o PLP 268/2016




Na semana passada, o presidente da Anapar, Antônio Bráulio de Carvalho, esteve em São Paulo em reunião com o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB), com longa trajetória em defesa da previdência social, que igualmente se comprometeu a defender a paridade em todos os órgão colegiados.

A vice-presidente da Anapar, Cláudia Ricaldoni, representou a entidade em encontro com o deputado João Henrique Holanda Caldas – JHC (PSB-AL), nomeado novo relator do PLP 268/16 na Câmara dos Deputados. O parlamentar demonstrou receptividade aos anseios dos participantes e assistidos. 

Além disso, houve encontro com o deputado Marcus Pestana (PSDB-MG), em que tentamos demovê-lo da ideia de entregar a gestão dos fundos a diretores vindos do mercado, sem nenhuma vinculação com os patrocinadores, participantes e planos de benefícios. Fomos recebidos pela assessoria do deputado Beto Mansur (PRB-SP), que também demonstrou sensibilidade com as demandas dos participantes. 

Em função de toda a mobilização que vem ocorrendo, a votação do PLP 268/16 vem sendo adiada desde a semana passada e acreditamos que nesta semana também não será votado. Permanecemos no Plenário da Câmara até as 22h de ontem (20/06) e temos que continuar acompanhando diariamente, pressionando cada vez mais os deputados, para mantermos a possibilidade de eleição de diretores, com paridade, assim como nos conselhos deliberativo e fiscal. 

É fundamental continuarmos encaminhando os e-mails para os deputados, pois entendemos que essa pressão foi crucial para as conquistas que obtivemos até agora.


Fonte: Anapar.
Compartilhe Google Plus

Sobre Portal ABCF

Site da Associação dos Beneficiários da Cemig Saúde e Forluz. Previdência complementar, fundo de pensão, educação financeira e plano de saúde.
    Comentários Gmail
    Comentários Facebook

0 comentários :

Postar um comentário