Fraudes na Previdência geram prejuízo de R$ 7 milhões

Fraudes na Previdência Social que resultaram em prejuízo de R$ 7 milhões motivaram uma operação da Polícia Federal. O objetivo é deter a ação de um grupo criminoso oriundo do sul do Pará que fraudava benefícios no Distrito Federal. 

Curta nossa página no Facebook



A PF cumpriu três mandados nessa segunda fase da operação Êxodo: dois de busca e apreensão - na agência da Previdência em Cei-lândia e na casa de um servidor do órgão -, e um de prisão preventiva. 


As investigações revelaram que o grupo atuava desde 2012 no esquema voltado para concessão tardia do benefício de pensão por morte, onde eram incluídos no rol de dependentes menores de idade. Por não haver prescrição, os pagamentos retroativos eram de valores altíssimos, uma vez que eram pagos desde a data do óbito do segurado. 


Também eram apresentadas declarações de exercício de atividades rurais em regime de economia familiar, onde constavam o labor do segurado, por meio de sindicatos. 


Fonte: Jornal de Brasília.
Compartilhe Google Plus

Sobre Portal ABCF

Site da Associação dos Beneficiários da Cemig Saúde e Forluz. Previdência complementar, fundo de pensão, educação financeira e plano de saúde.
    Comentários Gmail
    Comentários Facebook

0 comentários :

Postar um comentário