Lançamento do jornal da ABCF

A ABCF (Associação dos Beneficiários da Cemig Saúde e Forluz) lançou nesta quinta-feira, 26 de novembro, nas portarias de todas as empresas do grupo Cemig, seu segundo jornal. Nesta edição, os principais temas são o reajuste da Cemig Saúde e as discussões sobre as alterações do Plano B da Forluz.




Curta nossa página no Facebook



O jornal fez sucesso entre os eletricitários, que estão em greve desde o dia 25 de novembro (leia aqui que a ABCF apoia a greve dos trabalhadores da Cemig). Reunidos em frente à sede da Cemig, os trabalhadores leram e debateram com os diretores da ABCF os assuntos da segunda edição do jornal da instituição.

Baixe aqui o jornal completo em PDF.



Alterações do Plano B da Forluz


Sobre as alterações do Plano B da Forluz, a ABCF entende que é necessário mais tempo de discussão com os participantes, que não estão devidamente informados das mudanças. Além disso, a diretoria da ABCF questiona a pressa com que a direção da Forluz está conduzindo o processo de alteração do Plano.


Reajuste da Cemig Saúde



A ABCF questionou a Cemig sobre o reajuste de 15,4% na Cemig Saúde. O aumento será feito juntamente com o reajuste regulamentar do plano de saúde e vai pesar no bolso dos beneficiários. Diante disso, a ABCF e outras entidades representativas dos beneficiários propuseram que a Cemig fizesse um cálculo para que o reajuste fosse parcelado, gerando um alívio financeiro para todos. Além disso, questionou a empresa sobre o repasse do convênio com o Santander que não foi feito pela empresa até hoje e poderia aliviar o tamanho do reajuste a ser feito.





Compartilhe Google Plus

Sobre Portal ABCF

Site da Associação dos Beneficiários da Cemig Saúde e Forluz. Previdência complementar, fundo de pensão, educação financeira e plano de saúde.
    Comentários Gmail
    Comentários Facebook

0 comentários :

Postar um comentário